28 de abril de 2015

Organizando os Sapatos de Modo Digital

Você sabe, exatamente, quantos pares de sapato tem? Sabe onde eles estão? É, essas perguntas podem ser difíceis, mas podem ter respostas precisas a partir de agora! Quero ensinar a você uma dica super simples, entretanto um pouco trabalhosa no início, mas que vale muito a pena. Vai fazer você economizar um tempo dos deuses! A dica é fotografar os pares de sapato e criar um arquivo com eles armazenado no celular.
Esse é o meu arquivo digital. 
Parece loucura, mas hoje eu posso dizer que tenho, precisamente, 55 pares de sapato e sei onde todos estão! Faz um pouco tempo que comecei a fazer isso devido a grande quantidade de pares de sapato que tenho [até um mês atrás eram 70, mas fiz uma mega limpeza, doei e estou vendendo alguns no meu Bazar Chic, vai lá] e a falta de um lugar para poder colocá-los todos ao alcance dos olhos. Além disso, moro em uma casa pequena e que sempre recebe poeira, então tenho que guardá-los nas caixas, empilhadas uma encima da outra. Quando estava com pressa pra sair e precisava de um sapato, era uma correria só para tirar todas as caixas e espalhar pelo chão até encontrar o sapato adequado. Percebi que isso não ia dar certo e resolvi fotografar todos eles e colocar em uma pasta no meu celular. Agora, quando preciso deles, simplesmente, acesso a pasta, escolho o modelo e vou direto na caixa dele. Vamos aprender como fazer?
Alguns dos meus fofos no meu arquivo digital.
O primeiro passo é reunir todos os sapatos para uma seção de fotos. Escolha um lugar iluminado, um tapete para colocar os sapatos em cima e criar um cenário, e uma câmera ou celular.
Algumas das minhas beldades. Sempre os guardo em suas caixas originais.
Depois, fotografe todos os pares e edite as fotos: corte, redimensione, coloque filtros, renomeie... faça tudo com muito carinho.
Momento da fotografia do sapato.
Por fim, abra uma pasta no celular ou computador [no dispositivo que mais usa e sempre estará ligado] para poder vê-los sempre que precisar.
Meu arquivo no computador fica assim.
É, sei que dá um pouco de trabalho, mas por experiência própria, as horas que tenho economizado no momento de procurar o sapato ideal não tem preço! Bom, e como acho importante também conservar bem os nossos lindos, deixo algumas dicas bem simples:

* Se não tiver espaço para guardar os sapatos dispostos em uma prateleira ou closet, deixe-os dentro das caixas originais. Assim você os protege de qualquer acidente ou substância que possa danificá-lo enquanto não está usando. 
Deixe as caixas organizadas com a etiqueta de identificação sempre visível, assim se não lembrar da caixa do sapato, poderá ler a descrição dela. De Sandália Melissa.net.
** Há acessórios fundamentais para os sapatos, como essas peças da foto, que encaixam dentro dele para evitar que percam a forma. Não sei como se chamam e nem sei dizer se vende em lojas de produtos para sapatos, mas sei que são maravilhosas. Se não as tiver, use jornal ou papel de revista para criar as bolinhas que ficam dentro dele.
Peças para a parte interna do sapato. Perceba que ela tem uma numeração adequada para cada par.
*** A maioria dos sapatos vem com um papel para protegê-los. Conserve esse papel sempre. Ele ajudará a que seu sapato não arranhe em contato com o outro na caixa e ainda protege da poeira.
Conserve sempre o papel dentro da caixa.
**** Botas e sapatos de cano médio e longo devem ser guardados com enchimentos de papel para evitar que deformem. Nunca devem ser dobrados.
A depender do tamanho da revista, ela pode sim ser colocada dentro da bota. Cuidado para que não seja muito pesada e larga, podendo estragar o sapato.  De Mundo das Tribos.
Espero que tenha gostado das dicas. Não deixe de me contar a experiência com a seção de fotos para os sapatos.

23 de abril de 2015

DIY: customizando a Camisa da Festa sem Costura

Follow my blog with Bloglovin
O clima em Feira de Santana é de festa! A Micareta já está às portas!
Wallpaper adaptado do site Ultra Downloads.
E aproveitando esse clima bem animado, fiz um DIY express para te ajudar a ir mais fashion pra avenida. Que tal customizar sua camisa ou abadá apenas com uma tesoura? Bem tentador, né? Ah pois, esta é a proposta do vídeo. Aperte o play!
Quer outras ideias de customização? Confere só:
Super simples, é só cortar umas figuras geométricas em partes estratégicas. De Buzz Feed.
Para as apaixonadas. De Manualidades Facilisimo.
Essa dá um pouco mais de trabalho, mas o resultado é excelente! De Buzz Feed.
Mamão com açúcar, né? De Blog Moldes e Dicas de Moda.
Rápido e sexy. De Blog Tudo de Menina.
Super sexy. De Gr Zero.
Essa é pra arrasar! De SOS Solteiros.
Dica: só não esquece de verificar o que pode e o que não pode ser cortado na camisa ou abadá. Há marcas de patrocinadores ou nome que não podem sair de jeito nenhum, por isso menina, cuidado pra não perder a grana que investiu no momento de entrar na festa ou bloco, ok?
Curtam a festa com muita alegria e juízo!

12 de abril de 2015

DIY: bolsa com Penas

Follow my blog with Bloglovin
O estilo boho ainda não vai nos deixar essa temporada de outono/inverno! Então comemoremos ao estilo livre e solto, ao hippie, à liberdade, à renda, às penas... E por falar em penas, trago hoje uma proposta com novidades: uma bolsa customizada com penas.
Olha só que linda!
A novidade é que o passo a passo está em vídeo! Pois é, finalmente, meu primeiro vídeo DIY gravado e editado por mim com muito carinho. Então, vamos lá?
Bom, e pra inspirar, resolvi fazer umas fotos com uma opção de look boho chic, bem urbano, usando as peças de meu próprio acervo, pra usar com essa bolsa. Pra compôr o look usei uma blusa de renda, calça flare, melissa Classic Hell, pulseira de pele de bicho [não lembro mais que bicho é!], anéis de madeira de piaçava, cinto com barra de ferro, brinco de acrílico com miçangas, tiara de onça, óculos de sol e, a diva: a bolsa com penas!
Amei esse look: confortável, leve e bem estiloso.
E esses são os acessórios.
Espero que tenham gostado do vídeo e do look.

3 de abril de 2015

Exposição Quem é o Homem do Sudário?

A Semana Santa chegou! Para muitos é mais um feriado longo pra se divertir e relaxar um pouco, mas é uma data que vai além do feriado: é o período da Páscoa em que o Senhor Jesus Cristo foi morto, e esse sacrifício é muito mais do que se acabar na academia pra gastar o chocolate que vai comer neste fim de semana! Na minha cidade, Feira de Santana, tive o privilégio de ver a Exposição Internacional Quem é o Homem do Sudário?, a qual mostra os resultados dos estudo em torno ao Sudário, tecido que envolveu o corpo de Jesus após sua morte.
Entrada da exposição no Estacionamento G1 do Shopping Boulevard em Feira de Santana, Bahia.
Os painéis contém muitas informações, então é bom ir com bastante paciência para ler e compreender toda a história. 
A exposição é composta por 34 painéis com informações a respeito do sudário: o próprio sudário; o mapa por onde o sudário passou desde Jerusalém até Torino, Itália, onde se encontra atualmente; a análise científica; o percurso histórico e a análise do médico-forense.
Organização da exposição.
Modo como o Sudário foi envolvido no corpo de Jesus: o meio do tecido ficou na cabeça de Jesus.
À esquerda, marcas do Sudário quando foi queimado; à direita, marcas de sangue no tecido.
Reproduções do rosto de Jesus a partir das marcas no Sudário.
Os painéis mostram a análise científica, evidenciando todos os estudos feitos para provar a identidade de Jesus e as evidências deixadas no Sudário.
Tentativa de reprodução da face de Jesus a partir de mirra, aloés e suor.

Reprodução do Sudário em tamanho original.
A exposição também mostra os exames com o sangue encontrado no tecido [Jesus era AB+, tipo comum entre os judeus], as mostra de pólen e flores encontradas com o corpo [as mesmas eram da região de Jerusalém], terra e moedas encontradas nos olhos do corpo de Jesus.
Marcas de moedas encontradas no Sudário. As mesmas na altura dos olhos de Jesus.
Curiosa, vendo as moedas que foram encontradas marcadas no Sudário.
Mostras de pólen e de flores encontradas no Sudário.
Exames de datação feitos a partir do Carbono 14 [permite indicar a data da confecção do tecido - entre 1260 e 1390], a formação da imagem através da deterioração das fibras naturais e o caminho percorrido pelo sudário.
Análise do Carbono 14 do Sudário e as fibras do tecido manchadas de sangue.
Caminho percorrido pelo Sudário e Duomo de Torino, onde se encontra hoje o real tecido. 
Reviver esta história, tão real como respirar, deixou-me muito emocionada em pensar que Jesus derramou seu sangue, sofreu tanto para dar-me a vida eterna!
Representação dos açoites e dos instrumentos usados para a tortura: nas pontas, ferro e ossos secos. 
Capacete de espinhos: a coroa imitava o capacete usado pelos reis romanos da época. 

Representação da lança enfiada do lado de Jesus.
Representação dos pregos e das marcas nas mãos e pés de Jesus. 
Além dos painéis, há réplicas da tumba onde Jesus foi sepultado, dos cravos e da coroa de espinhos, [acima], uma estátua de Cristo crucificado, uma representação da lança no tórax de Jesus [acima] e um holograma de Jesus crucificado. Além disso há pequenos vídeos que expõe com mais detalhes o Sudário, além dos monitores bem gentis que explicam qualquer dúvida.
Réplica da tumba onde Jesus foi sepultado.
Estátua do corpo de Jesus crucificado.
Holograma em 3D do corpo de Jesus crucificado.
É impressionante, é muito amor envolvido! Registrei minha declaração de amor, pois não dá pra não dizer, melhor, escrever nada.
A exposição estará no shopping até o final deste mês e funciona no mesmo horário do estabelecimento. Mais informações no site do Shopping Boulevard Feira de Santana.
"Ele não está mais aqui! Ressuscitou!" Luc. 24:6

1 de abril de 2015

E lá se foi Março...

Março foi um mês bem tranquilo: fim de férias, volta à rotina de trabalhos, despedida do Love... Mas é vida que segue, é pra frente que nossa vida vai, já canta a diva Ivete Sangalo. Vamos ao nosso resumo?
No Blog, os post animaram o mês: o resultado da votação no Instagram para a escolha do nome do mais novo integrante do elenco de produções, o Colar Brisa, nome dado por Jaíse Teles; a série anos 80: sugestão de looks, sugestão de presentes e meu look preparado especialmente para o aniversário temático de uma grande amiga.
Colar Brisa, a mais nova produção. Peça o seu!
Flash da série Anos 80 
Além disso, uma parte que amo: viagens! Mostrei a vocês meu fim de férias em Mangue Seco, as dicas de como chegar, hospedar-se, comprar e aproveitar o lugar e, uma super dica de cinco destinos turísticos na Bahia para aproveitar o feriado da Semana Santa.
Nas dunas de Mangue Seco e o Rio Real como plano de fundo.
Vista do ponto da tiroleza em Morro de São Paulo, um dos cinco destinos para a Semana Santa.
No Instagram, a homenagem para o Dia Internacional da Mulher, com um super vídeo estreado pelas minhas lindas clientes amigas [se você perdeu, clica aqui e veja que lindo. Quem sabe você não está nele?]. Você viu também as nossas produções de camisas e bijus, especialmente o Colar Brisa, que agora pode ser mais personalizado, com a escolha da cor da substância em pó e do nome no vidrinho, e o vídeo revelação, em que mostro o processo de produção da camisa Boca. Veja aí!
Nossas camisas personalizadas foram o carro chefe do Instragram, A linda Vanessa Ramos registrou sua selfie com a camisa personalizada e o Colar Brisa é a mais nova produção, agora com nomes no vasinho.
No Bazar Chic tem mais novidades! Agora você encontra 40 produtos bastante variados: tem sapatos, bijus exclusivas, roupas, bolsas... tudo pra você compôr um look com muito estilo. Pra comprar é simples: é só acessar o Bazar Chic no Enjoei, escolher sua peça e pagar com cartão de crédito, débito ou boleto bancário. Ah, não gostou do preço, faz uma oferta! Se ela for tentadora, é claro que vou aceitar!
Tem de tudo lindo no Bazar Chic!
E o Canal no Youtube já está ativo! Já fez uma visita? Se não, clica aqui. Agora ele está mais bonito, bem mais arrumado! Ainda não tem muitos vídeos autorais, mas você pode deliciar-se com as plays criadas especialmente pra você. Não esqueça de se inscrever, ok?
Canal no Youtube.